Breaking News

Ex-prefeito de Barreirinha é condenado a pagar R$ 4 milhões por irregularidades


Em decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), o ex-prefeito de Barreirinha, Mecias Batista, terá de pagar R$ 4,2 milhões em multas e alcance após ter as contas do ano de 2013 reprovadas. O total, que deve ser quitado em até 30 dias, é no valor de R$ 4.228.898,49 como consta em publicação do Diário Eletrônico do Tribunal, divulgado na última quarta-feira (17). 

Além de multar o ex-gestor, o TCE também recomendou que a Prefeitura de Barreirinha deve manter a publicação da prestação de contas anuais em local de fácil acesso, também na Câmara Municipal, tendo de atualizar as informações no Portal da Transparência do município. 

Outras informações como a relação dos servidores públicos, comprovantes de gastos com passagens e viagens e manutenção do serviço de controle interno também foram determinadas pelo Tribunal, sob pena de multas, caso sejam descumpridas.

Nenhum comentário