Breaking News

Aliado: Sol forte pode matar coronavírus em 34 minutos


Um estudo divulgado neste mês mostrou que o sol forte pode ser uma arma inusitada no combate ao novo coronavírus. De acordo com cientistas, a exposição aos raios solares por volta do meio-dia conseguiu matar o vírus em até 34 minutos. A redução da carga viral nestes casos chegou à impressionante marca de 90%.

A pesquisa foi conduzida por Jose-Luis Sagripanti e David Lytle e publicada na revista científica Photochemistry and Photobiology. Os dois são cientistas aposentados do Exército dos EUA e da Food and Drug Administration, respectivamente.

Ainda de acordo com os cientistas, é possível que o confinamento de populações em alguns países que passavam pelo inverno pode ter piorado ainda mais a situação, uma vez que estas pessoas tiveram pouca ou nenhuma exposição aos raios solares. Além disso, o vírus pode ter sido transmitido mais facilmente entre a própria família.

– Pessoas saudáveis que fossem expostas aos raios solares receberiam cargas virais menores, o que seria mais eficiente para criar uma resposta de imunização na população – aponta o estudo.

Pesquisas realizadas anteriormente também apontam na mesma direção. Durante a Gripe Espanhola, por exemplo, que dizimou mais de 50 milhões de pessoas no mundo, observou-se que pacientes internados em hospitais onde tinham contato com a luz do sol e o ar livre, tiveram mais chances de recuperação.

Nenhum comentário